Pular para o conteúdo principal

A Maldição do Vencedor (Trilogia do Vencedor #1) - Marie Rutkoski


Título: A Maldição do Vencedor
Título Original: The Winner's Curse
Autora: Marie Rutkoski 
Trilogia: Trilogia do Vencedor
Editora: Plataforma21
Número de Páginas: 328
Ano: 2016
Avaliação:☆☆☆☆☆

Sinopse: "Kestrel quer ser dona do próprio destino. Alistar-se no Exército ou casar-se não fazem parte dos seus planos. Contrariando as vontades do pai - o poderoso general de Valória, reconhecido por liderar batalhas e conquistar outros povos -, a jovem insiste em sua rebeldia. Ironicamente, na busca pela própria liberdade, Kestrel acaba comprando um escravo em um leilão. O valor da compra chega a ser escandaloso, e mal sabe ela que esse ato impensado lhe custará muito mais do que moedas valorianas. O mistério em torno do escravo é hipnotizante. Os olhos de Arin escondem segredos profundos que, aos poucos, começam a emergir, mas há sempre algo que impede Kestrel de tocá-los. Dois povos inimigos, a guerra iminente e uma atração proibida... As origens que separam Kestrel de Arin são as mesmas que os obrigarão a lutarem juntos, mas por razões opostas. A Maldição do Vencedor é um verdadeiro triunfo lírico no universo das narrativas fantásticas. Com sua escrita poderosa, Marie Rutkoski constrói um épico de beleza indômita. Em um mundo dividido entre o desejo e a escolha, o dominador e o dominado, a razão e a emoção, de que lado você permanecerá?"



Definitivamente esse livro expressa bem o termo teia de aranha, vários fios utilizandos se mantendo firme custe o que custar. Para começar essa resenha de A Maldição do Vencedor, tenho que informá-los dois pontos: a) Estamos imersos o corpo e a alma em uma rede de mentiras e muita armação. b) Estamos conhecendo artistas na arte da manipulação, aliás, aqui tudo é necessário para se manter no comando.

Kestrel é uma mulher forte, determinada e uma boa jogadora, mas que deseja muito ser dona de seu próprio destino. Ela tem todo o luxo e o respeito cabível a filha do famoso general Valória, o homem que liderando o exército trouxe muitas glorias para o governo. Mas isso tudo não passa a ser nada, já que a moça terá que escolher entre se casar ou entrar para o exército. Sem dá a palavra final, da qual irá determina de uma vez por todas o seu futuro, Kestrel faz a compra de um escravo no leilão. Mas essa compra além de ter sido um valor escandaloso só por um simples escravo, se tornará a chave para muitas surpresas na vida da garota e também do governo. Arin, o escravo comprado possuí muitos segredos que poderia ser um perigo aos ouvidos dos Valorianos. Porém, sua aproximação com Kestrel começa a permanecer mais firme e amigável a medida que passa. Será que existe uma relação mais intima entre ambos, além da relação dominador e dominado? Uma paixão talvez?

Uma reviravolta de surpresas e emoções. Esta frase define muito o que a autora Marie Rutkoski pensou e escreveu. No decorrer da história somos tomados por momentos de tensão, surpresas e intrigas sem um ponto final. É como se tivéssemos em um jogo onde o poder, a liberdade, o sentimento de dominação é muito importante e deve ser alcançado não importando o meio de chegar. São tantas ações e contrações de cada personagem, além das reviravoltas entre cada povo nos deixando presos a cada página.

A escrita de Marie Rutkoski nos surpreende por sem tão objetiva e bem rica em detalhes. A mesma soube utilizar do contexto histórico presente em seu livro, como uma arma minuciosa na construção de seu ambiente e também refletindo muito bem em seus personagens. Tais personagens em A Maldição do Vencedor, aparecem com papeis detalhados e com personalidades características do momento. São eles responsáveis por deixar a história mais viva e presente para o leitor. 

Enfim, A Maldição do Vencedor é uma leitura rápido, fácil e agradável de se ler. Apresenta ingredientes perfeitos para uma carga grande de tensão a cada capítulo lido, levando ao leitor se render em muitos momentos e já desejar poder está com o próximo volume. Um bom começo para uma trilogia, carregando consigo valores característicos humanos, como a dominação, a ambição, valorização, cooperação, desejo e a coragem, já vistos em muitos momentos da história de nações e ainda persiste na atualidade. 

Comentários

  1. Oi Bruna!
    Esse livro parece ser muito interessante, queria ler! Só estou evitando começar novas séries, acho tão difícil terminá-las.

    Beijos,
    Sora | Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sora!
      Desculpe pela reposta tão tardiamente.
      Ele é maravilhoso, adorei cada pedacinho dele. Realmente é difícil terminar séries, algumas são longas ou ainda aquelas que não queremos que termine.

      Abraços!

      Excluir
  2. Olá, sua resenha atiçou minha curiosidade, e alias ela tá muito bem escrita. O visu do seu blog é muito legal, virei seguidor.

    http://omalkavian.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Willian!
      Desculpe pela resposta tão tardiamente.
      Fico muito feliz e grata pelo seu comentário, e também adorei o seu blog! Já seguindo!

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Menina Má - William March

Título: Menina Má Título Original: The Bad Seed Autora: William March Editora: DarkSide Books
Número de Páginas: 276 Ano: 2016 Avaliação:☆☆☆☆☆

Sinopse:"Publicado originalmente em 1954, MENINA MÁ se transformou quase imediatamente em um estrondoso sucesso. Polêmico, violento, assustador eram alguns adjetivos comuns para descrever o último e mais conhecido romance de William March. Os críticos britânicos consideraram o livro apavorantemente bom. Ernest Hemingway se declarou um fã. Em menos de um ano, MENINA MÁ ganharia uma montagem nos palcos da Broadway e, em 1956, uma adaptação ao cinema indicada a quatro prêmios Oscar, incluindo o de melhor atriz para a menina Patty McComarck, que interpretou Rhoda Penmark. Rhoda, a pequena malvada do título, é uma linda garotinha de 8 anos de idade. Mas quem vê a carinha de anjo, não suspeita do que ela é capaz. Seria ela a responsável pela morte de um coleguinha da escola? A indiferença da menina faz com que sua mãe, Christine, comece a investig…

Maratona Literária de Verão 2018

Olá pessoas, tudo bem? Primeiramente quero desejar a todos muitas leituras neste ano!
Neste ano eu me desafiei a participar mais de maratonas, desafios e projetos de literatura pela internet. Pois, quando fazemos parte desses acontecimentos sempre podemos conhecer autores e gêneros novos.
Assim, estou confirmando a minha presença na maratona literária criada pelo canal Geek Freak. Neste ano a maratona passa a se chamar #JornadaMLV tendo dois reinos precisando de recrutamento, assim, cada um que for participar terá que escolher um dos reinos, estes com alguns desafios a serem cumpridos. O período da Jornada é do dia 13 de janeiro até o dia 27 de janeiro, sendo assim temos 15 dias de muitas leituras! 
O Liiteroma fará parte do reino Arcania e qual será sua monstruosa TBR? Desafios de Arcania Leitura que era para você ter lido em 2017.Um livro que já fez sucesso a muito tempo.Um livro nacional da atualidade.Um livro de um autor que você nunca leu antes.Uma fantasia protagonizada por uma mulher…