Pular para o conteúdo principal

@mor - Daniel Glattauer



Título: @mor
Autor: Daniel Glattauer
Editora: Suma
Ano: 2012
Páginas: 184
Nota: 3/5

Sinopse: "Num e-mail enviado por engano, começa um relacionamento virtual que testa as convicções de Leo Leike e Emmi Rothner. Leo Leike, ainda digerindo o fracasso de seu último relacionamento, responde de forma espirituosa a duas mensagens enviadas por engano por Emmi Rothner, casada. Inicialmente, ela só queria cancelar uma assinatura de revista.Depois, inclui Leo por engano entre os destinatários de um e-mail de boas festas. Na terceira troca de e-mails, o mal-entendido dá lugar à atração mútua, reforçada pelo fato de um nunca ter visto o outro. Nada como a curiosidade instigada por frases bem encadeadas chegando a intervalos regulares numa caixa postal eletrônica para que os dois se esqueçam dos possíveis impedimentos. A cada dia, Leo e Emmi se sentem mais impelidos a marcarem um encontro. Após trocas contínuas de mensagens, está claro para ambos que o marido dela e as feridas emocionais dele não serão obstáculos para que marquem um encontro. O único obstáculo real é a insegurança de ambos quanto à transformação da fantasia em realidade. A expectativa é uma faca de dois gumes e a realidade pode não estar à altura."

@mor é um livro romântico, engraçado e curioso, adjetivos presente nos personagens: O adorado e culto Leo Leike e a garota com uma vida intrigada, Emmi Rothner. Tudo começa com um simples e-mail de reclamação de um produto, que duas pessoas até então desconhecidas vê neste, uma forma de se conhecer. Deixando o livro com um começo exótico.

A estória é contada através de e-mails, dos quais o leitor e cada personagem irão descobrir aos poucos a vida de cada um. Foi criativa a forma que o escritor retratou a vida online que temos, principalmente nas nossas conversas, onde muitas vezes temos medo de nos abrir a pessoas estranhas, porém são essas pessoas sem rosto que passam a fazer sentido em nossas vidas. Muitas vezes até lendo os diálogos percebi a forma que aquilo estava inserido diretamente na sociedade moderna. Os personagens buscaram em cada um, um ombro amigo, o "problema" foi o resultado dessas conversas.

O desenrolar da narração e um pouco metódica, em algumas situações onde os personagens passam um tempo a retratar de um único tema, mesmo assim não deixa o livro mal, já que na maioria dos diálogos são bem descontraídos e interessantes. Durante as conversas tive a rápida impressão desde o início dos verdadeiros sentimentos que já iam aparecendo da personagem Emmi e fui acabando não gostando de algumas atitudes dela, ela parecia apresentar as pessoas um papel para sua relação que não já estava ocorrendo. O enredo foi o mais surpreso, quando cheguei à última página queria saber como iria ocorrer no suposto encontro, só que foi ai que me dei conta que o livro já tinha terminado, espero que no próximo livro as coisas melhorem.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Menina Má - William March

Título: Menina Má Título Original: The Bad Seed Autora: William March Editora: DarkSide Books
Número de Páginas: 276 Ano: 2016 Avaliação:☆☆☆☆☆

Sinopse:"Publicado originalmente em 1954, MENINA MÁ se transformou quase imediatamente em um estrondoso sucesso. Polêmico, violento, assustador eram alguns adjetivos comuns para descrever o último e mais conhecido romance de William March. Os críticos britânicos consideraram o livro apavorantemente bom. Ernest Hemingway se declarou um fã. Em menos de um ano, MENINA MÁ ganharia uma montagem nos palcos da Broadway e, em 1956, uma adaptação ao cinema indicada a quatro prêmios Oscar, incluindo o de melhor atriz para a menina Patty McComarck, que interpretou Rhoda Penmark. Rhoda, a pequena malvada do título, é uma linda garotinha de 8 anos de idade. Mas quem vê a carinha de anjo, não suspeita do que ela é capaz. Seria ela a responsável pela morte de um coleguinha da escola? A indiferença da menina faz com que sua mãe, Christine, comece a investig…

Maratona Literária de Verão 2018

Olá pessoas, tudo bem? Primeiramente quero desejar a todos muitas leituras neste ano!
Neste ano eu me desafiei a participar mais de maratonas, desafios e projetos de literatura pela internet. Pois, quando fazemos parte desses acontecimentos sempre podemos conhecer autores e gêneros novos.
Assim, estou confirmando a minha presença na maratona literária criada pelo canal Geek Freak. Neste ano a maratona passa a se chamar #JornadaMLV tendo dois reinos precisando de recrutamento, assim, cada um que for participar terá que escolher um dos reinos, estes com alguns desafios a serem cumpridos. O período da Jornada é do dia 13 de janeiro até o dia 27 de janeiro, sendo assim temos 15 dias de muitas leituras! 
O Liiteroma fará parte do reino Arcania e qual será sua monstruosa TBR? Desafios de Arcania Leitura que era para você ter lido em 2017.Um livro que já fez sucesso a muito tempo.Um livro nacional da atualidade.Um livro de um autor que você nunca leu antes.Uma fantasia protagonizada por uma mulher…

A Maldição do Vencedor (Trilogia do Vencedor #1) - Marie Rutkoski

Título: A Maldição do Vencedor Título Original: The Winner's Curse Autora: Marie Rutkoski Trilogia: Trilogia do Vencedor Editora: Plataforma21 Número de Páginas: 328 Ano: 2016 Avaliação:☆☆☆☆☆
Sinopse: "Kestrel quer ser dona do próprio destino. Alistar-se no Exército ou casar-se não fazem parte dos seus planos. Contrariando as vontades do pai - o poderoso general de Valória, reconhecido por liderar batalhas e conquistar outros povos -, a jovem insiste em sua rebeldia. Ironicamente, na busca pela própria liberdade, Kestrel acaba comprando um escravo em um leilão. O valor da compra chega a ser escandaloso, e mal sabe ela que esse ato impensado lhe custará muito mais do que moedas valorianas. O mistério em torno do escravo é hipnotizante. Os olhos de Arin escondem segredos profundos que, aos poucos, começam a emergir, mas há sempre algo que impede Kestrel de tocá-los. Dois povos inimigos, a guerra iminente e uma atração proibida... As origens que separam Kestrel de Arin são as mesmas que…